Deficiência
Paralisia Cerebral

cérebro

Paralisia Cerebral é uma lesão de uma ou de várias partes do cérebro. Pode acontecer durante a gestação, durante o parto ou após o nascimento, ainda no processo de amadurecimento do cérebro da criança. É uma lesão provocada, muitas vezes, pela falta de oxigenação das células cerebrais.

A pessoa que tem paralisia cerebral pode ter inteligência normal, a não ser que a lesão tenha afetado áreas do cérebro responsáveis pelo raciocínio e pela memória. Todavia, a paralisia cerebral não é um mal de natureza contagiosa.

Se a pessoa com paralisia cerebral tiver sua visão ou audição prejudicadas pela lesão, terá dificuldades para entender as informações como normalmente são transmitidas. De outra parte, se os músculos da fala forem atingidos, terá dificuldade para comunicar seus pensamentos ou necessidades.

NOTA IMPORTANTE

Quando tais fatos são observados, a pessoa com paralisia cerebral pode ser erroneamente classificada como deficiente mental ou não inteligente.

CAUSAS DA PARALISIA CEREBRAL
Dentre as principais causas da paralisia cerebral devemos destacar:

Antes do nascimento:

- Ameaça de aborto, ou choque direto no abdômen da mãe;
- Exposição ao raio X nos primeiros meses de gravidez ;
- Incompatibilidade entre Rh da mãe e do pai ;
- Infecções contraídas pela mãe durante a gravidez (rubéola, por exemplo);
- Mãe com diabetes ou com toxemia de gravidez;
- Pressão alta da gestante.

Durante o parto:

- Falta de oxigênio ao nascer (o bebê demora para respirar, lesando parte(s) do cérebro ).
- Lesão causada por partos difíceis, principalmente aqueles dos bebês muito grandes de mães pequenas ou muito jovens (a cabeça do bebê pode ser muito comprimida durante a passagem pelo canal vaginal);
- Trabalho de parto demorado;
- Uso inadequado do fórceps, ou manobras obstétricas violentas.

NOTA:
Os bebês que nascem prematuramente (antes dos 9 meses e pesando menos de 2 quilos ) têm mais chances de apresentar paralisia cerebral.

Depois do nascimento:

- Febre prolongada e muito alta ;
- Desidratação com perda significativa de líquidos ;
- Infecções cerebrais causadas por meningite ou encefalite;
- Ferimento ou traumatismo na cabeça;
- Falta de oxigênio por afogamento ou outras causas;
- Sarampo;
- Traumatismo crânio-encefálico até os três anos de idade.

Prevenção


Muitos casos de paralisia cerebral podem ser evitados através de campanhas educativas, visando os futuros pais e os profissionais que lidam com a gestante, a parturiente e o bebê . E importante a presença de um medico pediatra (neo-natologista) na sala de parto . Antes de pensar em ter filhos, o casal deve passar por exames médicos para detectar a possibilidade de problemas hereditários e a incompatibilidade sangüínea. Ao engravidar, a mulher deve ir periodicamente ao medico procurar alimentar-se bem , evitar o álcool , o fumo e não tomar remédios sem consultar o medico. Vacinar o bebe e evitar qualquer situação de risco é essencial para uma saúde perfeita.

Partes do corpo afetadas

A paralisia cerebral atinge diversas regiões do cérebro. Dependendo de onde ocorre a lesão e da quantidade de células atingidas, diferentes partes do corpo podem ser afetadas, alterando o tônus muscular ou a postura e provocando dificuldades funcionais nos movimentos. Pode gerar movimentos involuntários, alterações do equilíbrio, do caminhar, da fala, da visão, da audição, da expressão facial. E em casos mais graves pode haver comprometimento mental.


Sites Adicionais
Temos na Internet 262.000 sites em português/espanhol (13.600.000 em inglês) que discutem paralisia cerebral em seus múltiplos aspectos. Você poderá iniciar suas leituras pelos seguintes:

www.apcb.org.br
www.sarah.br/paginas/doencas/po/p_01_paralisia_cerebral.htm
www.msd-brazil.com/msd43/m_manual/mm_sec23_270.htm
www.nacpc.org.br
www.truenet.com.br/ronaldo/html/portugues/pc.htm
www.cruzverde.org.br/ParalisiaCerebral/paralisiacerebral.htm
www.bengalalegal.com/elis.php

Médicos e outros profissionais interessados

Pesquise mais por meio do Google
www.google.com.br

página (deficiências)
para cima